tumblr_lmqqo9BJL91qel2cso1_500

Eu fico imaginando os motivos, porquês e outras razões que te fazem ser assim. Riso solto, iluminar o ambiente deve ser fácil. Não posso te ter, então fico pensando como é. O jeito que você trata as pessoas, passando pelo carinho com que fala com os outros, até o jeito como você se trata. Se cuida da pele, passa hidratante no corpo, os minutos para se maquiar antes de uma festa na frente do banheiro ou com pressa no ônibus indo pro trabalho, e fico rindo me perguntando o que leva alguém a pintar uma única unha com uma cor diferente das outras. Deve ser mais um dos tantos mistérios que você tem. Até saber se você fica bonita quando tá nervosa eu imagino. E é estranho deixar alguém entrar tanto na minha cabeça. Vou dos seus detalhes de pintas no rosto até o que já tá na minha frente, como o colo onde o cabelo cai me fazendo imaginar se o tamanho do seu sutiã é compatível com o tamanho das minhas mãos. E em pouco tempo, vale dizer. Quem entende? Bota uma música aí que faça lembrar de mim que aqui eu tô enxergando nós dois dançando rosto com rosto e sua voz no pé do meu ouvido. Fico viajando, literalmente. Ruim é não fechar os olhos, piscar e brotar do seu lado. E se eu (ainda) não posso ter, eu fico imaginando.

E a minha imaginação é foda.

(Gustavo Lacombe)

Anúncios