cuidado! esse texto contem deboches e ironias!

Não se dá moral pra mulher. E aqui você pode trocar o nome que se dá a isso. Moral, condição, chance. É tudo a mesma coisa do ponto de vista em que o cara, do alto de sua condição de conquistador, decide privilegiar alguma escolhida e passa a “dar moral” a ela.

Num curto espaço de tempo ele consegue elogiar os olhos, o cheiro e posição de destaque que as mulheres vem ganhando na sociedade. Ele vale um sopro no ego daquela mulher de tal forma que acontece o efeito já constatado em várias ocasiões e eventos pelo mundo afora: ela passa a esnobar o cara. Ou, no dito popular, caga na cabeça dele.

Ser esnobado é um efeito colateral do fato de valorizar uma mulher, algo que a ciência ainda não conseguiu explicar.

Elas preferem, claramente, aquele cara que, assim como elas passam a agir com quem demonstra se importar com elas, ignora completamente a sua existência e/ou mantém por perto simplesmente para ter um plano B. O plano A é conseguir alguém para ser o plano A. Ele pode até não existir, mas qualquer coisa já se arranjou o B.

Não se dá moral pra mulher.

Até porque, se ela simplesmente aceitar o convite do cara pra jantar, ele pode criar uma expectativa errada de tudo. Vai mandar whats pros amigos dando como certo o fim da noite no motel. E não tem nada mais errado do que criar expectativa nos outros. Somos responsáveis pelo o que fazemos e pelas reações que provocamos.

Então, se perguntaria, como proceder? Bom, existem um milhão de condutas sociais possíveis. Deve-se manter sempre a discrição e deixar que o papel de conquistador seja sutil. Galã de novela, com aquela blusa apertada na balada e perfume do Free Shop que aquele primo te deu na última ida dele a Buenos Aires, mantenha sempre a pose pra não ter que explicar pros amigos que “era só uma conversa”. Que trouxa! Onde já se viu!?

Você rende a noite toda pra uma mulher, elogia, paga bebida e, no fim, ela agradece a sua companhia e diz que foi ótimo ter te conhecido ao entrar no táxi com a amiga dela, que não pegou ninguém e ficou enchendo o saco pra ir embora.

Sério, tenho pena dessas meninas que descartam os caras que dão moral e se mostram prestativos e preferem ir atrás de verdadeiros cafajestes.

Mas um dia a gente aprende.

[ Gustavo Lacombe ]

http://www.facebook.com/GustavoLacombeTextos

@glacombetextos

Anúncios