Pergunte pro Seu Coração

Não importa muito o que os outros te dirão sobre o Amor. O que importante, de verdade, é o que o teu coração diz. O que importa não é o que as pessoas ao teu redor aconselham ou te mandam fazer. A verdadeira diretriz é dada pela junção do que sente a sua emoção e a coragem da sua consciência em acatar ou não aquela decisão. Sei que não é fácil ter que colocar um pingo de razão nessas questões, mas te garanto que a saída nunca será ouvir aqueles que estão de fora.

Eles não sentem como você.

Sempre temos um amigo, claro, ao qual recorrer se preciso. Se você necessita de um ombro ele estará apto e pronto para te confortar e ouvir qualquer que seja o seu lamento. A amizade é isso. Um amigo de verdade te apertará a ferida, te afagará quando preciso e se mostrará disposto a te mostrar um caminho. Porém, ele sabe que apenas você pode decidir qual trajetória a tua história seguirá. São seus pés, não os dele.

Antes de esbravejar que não ama, antes de dizer que prefere esquecer, antes de declarar a si que o melhor a fazer é apagar tudo que foi vivido. Antes disso tudo, reflita se o teu mundo sem aquela pessoa continuaria o mesmo. Se melhoraria, se pioraria. Você bancaria a decisão do fim? Você conseguiria suportar a volta? Entenda onde eu quero chegar: ninguém está na tua pele. As tuas escolhas pesam nos teus ombros e você é quem deve saber o peso que eles aguentam.

Pergunte pro teu Coração se ele aguenta.

Acredito que todas as respostas estejam em nós, mas que fechamos os olhos para a sua clareza. Se o questionamento é voltado para nós e apenas nós mesmos poderemos respondê-lo, ninguém será capaz de adivinhar, de supor ou achar o que será dito. É preciso a reflexão. Talvez seja até paradoxal colocar lado a lado uma questão sentimental e a análise do caso. O poeta já diz que basta colocar Amor no meio para se perder qualquer traço de Razão. Nem sempre.

Eu poderia te dizer “some” ou “fica”, mas estaria colocando o peso da minha história nessa opinião. Poderia usar outras histórias de exemplo, mas colocaria a minha visão em cada uma delas. “Sumir ou ficar?” é uma pergunta que apenas você mesmo poderá responder. Se vai dar certo ou valer a pena, infelizmente não podemos predizer. Ninguém sabe o futuro. O único pedido que te faço nesse dilema todo é que você não faça nada que não possa bancar.

Um arrependimento pode durar uma Vida toda.

[ Gustavo Lacombe ]

Publicado por

Gustavo Lacombe

Gustavo Lacombe, vinte e oito anos e uma vontade de escrever sendo lapidado todos os dias com muito suor e ideias. Tem a certeza de que será preciso quebrar muito a cabeça até conseguir chegar a algum lugar. Escreve por esporte, paixão e prazer - foi assim que fez seus quatro livros. Carioca da gema, acredita no amor bonito, ainda que o amor tenha diversas facetas não tão bonitas assim. Romântico, corredor de fim de tarde e feliz proprietário de um bom violão. É no blog, na página (fb.com/GustavoLacombeTextos) e no instagram (@glacombetextos) que, volta e meia, despeja o que lhe inspira, expira e vive. Ou queria ter vivido.

Um comentário sobre “Pergunte pro Seu Coração”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s