Às vezes me bate uma saudade da gente.

Me pego tocando os lábios lembrando do gosto do teu beijo e fecho os olhos. Estou na tua frente. Se o pensamento tem força, certamente nessa hora você me sente por perto. Mentalizo fortemente o teu abraço e chego a me arrepiar: vivo a ilusão do truque. A cabeça prega uma peça e eu digo pra mim mesmo que não quero passar por essa situação de novo. Logo rio.

Logo percebo que não adianta se estamos separados por uma cidade inteira, um estado enorme ou um país gigante. A Saudade se apossa do meu peito mal você bate a porta do carro. Sua falta me assalta assim que o telefone desliga e o meu “eu te amo” fica ecoando pelo barulho intermitente do fim da ligação. A saudade é inevitável quando a gente tem alguém mais do que perto, dentro do coração.

E como um réu que se entrega, não consigo evitar a confidência de que penso em você daquele jeito. A roupa caindo leve, o sutiã se abrindo e um sorriso escapando pelo canto da tua boca. É inevitável me pegar desejando teu corpo, passeando com minha língua por cada encontro do teu corpo, cada esquina, cada vale, cada curva.

O mais engraçado dessa miragem rotineira é que todas as recordações me inundam tão rápido que um piscar consegue dar conta de todos os cenários. Mantenho os olhos fechados só pra me alongar em você na memória. Chego a salivar ansiando te ter aqui perto. Chego a transformar qualquer barulho ao meu redor no som doce que tua voz propaga em mim.

Lendo assim, meu bem, sei que você pode estar rindo de mim e comentando baixinho que isso tudo é loucura. Pode ser também. Todo ser apaixonado tem um parafuso a menos. Toda pessoa tocada pelo Amor realiza a proeza de disparar uma metralhadora de clichês e imaginar o ser amado em seus braços sob todas as formas possíveis.

Não duvido que o primeiro cientista a inventar o teletransporte o fará com a clara intenção de trazer pra perto a mulher que ama. Esqueça qualquer outro fundamento, o Amor é que faz essas invenções terem propósito. E, nesse dia, serei o primeiro da fila para te trazer pra junto de mim.

Se a distância será sempre algo que irá se meter entre nós dois, é a certeza de que a gente se escolheu que sempre causará a volta. Te amar me dá força para seguir em frente.

A saudade apenas ratifica o tamanho do sentimento.

[ Gustavo Lacombe ]

Anúncios