Eu vou te amar pra sempre.

Eu vou te amar pra sempre. Talvez você não entenda isso agora, mas quando nós dois formos velhinhos e você olhar aquele nosso retrato junto. Vai se lembrar do cara que tentava te fazer sorrir, mas que acabou te fazendo chorar também. Vai recordar alguns erros meus e tentar lembrar porque não demos certo. Talvez, ali, vai sorrir ao imaginar que num Universo paralelo nós poderíamos estar juntos.
Longe demais um do outro agora.
Sabe lá se você ainda vai ter alguma notícia minha. Provavelmente, não. Serei um memória apenas. Memória daquelas que você vai esperar suas netas crescerem para contar a elas todas as loucuras que cometemos enquanto estivemos juntos. Inclusive a vez que você achou que tivesse grávida, mas era só um alarme falso.
Sei que estarei em outros momentos também. Talvez quando você ouvir chamando o meu nome, mas que obviamente é de outra pessoa. Ou, então, quando estiver numa daquelas lojas de suco e ver no cardápio o meu favorito. Os meus favoritos. Lembrar que eu amava tomar açaí e que mal dividia com as pessoas. Vai lembrar. E, pode apostar, eu ainda vou estar te amando nesse dia.
Porque o amor não se vai dessa maneira que muitos pensam. Ele não some, não pede as contas e se muda. Não deixa uma carta e desaparece. Ele se torna inquilino eterno de nós. E você vai saber, não sei de que jeito, mas saberá, que eu ainda estarei com esse sentimento no meu peito ao recordar o que fomos.
Se éramos algo tão bom, você se perguntará, por que então tivemos que viver aquele desfecho? Talvez você chore. De novo. Talvez você recorde os meus erros e queira me bater de novo por ter jogado fora tudo isso que criamos. O que era lindo e se acabou. O que marcou nós dois de um jeito que vai ser pra sempre.
Eterno em nossos corações.
Espero, sinceramente, que você se alegre depois disso. Porque se eu já não consigo conviver com a certeza de que seremos apenas uma lembrança, quanto mais em saber que mesmo daqui há muito tempo você ainda se entristecerá comigo. Ria, por favor. Lembre das vezes que contei uma piada ruim. De quando te esperei com uma flor na mão. De quando fizemos amor. De quantos planos a gente fez.
E um permaneceu: sentir eternamente esse amor.
Eu sei que vou te amar pra sempre.
[ Gustavo Lacombe ]
“O Amor é Para os Raros”, meu segundo livro, pode ser reservado aqui: http://www.bit.ly/oAmorÉParaOsRaros
Anúncios

2 comentários sobre “Eu vou te amar pra sempre.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s