[+18] Demos Sorte, Eu Sei

Ele tira a minha roupa sem pressa. Gosto assim. Gosto de imaginar que eu sou um presente nas mãos dele e que mereço cuidado. Não que eu vá quebrar, mas ninguém vai tratar de qualquer jeito algo que seja especial. E eu sei que sou especial. Sei quanto vale cada peça que vai ao chão. Quanto eu valho. Não pelo preço, mas por todo o desgaste emocional que já tive de aturar com homem babaca. Ainda me desnudo pra quem quero, mas há tempos que aprendi a selecionar melhor. Os dedos afundam na carne e chego a queimar de desejo. Ardo na cama como uma febre louca que só pode ser arrefecida se for bem tratada. Bem cuidada. Bem chupada. Esse ato começou lá atrás quando eu fui cuidar de mim pensando nele boquiaberto me olhando. Não tem coisa mais gostosa que se sentir desejada pelo cara que você quer sentar na cara. Não comecou exatamente no sexo. E agora, vendo-o completamente embasbacado, passando a língua devagar por mim e desfilando as besteiras guardadas entre uma foda e outra da gente, sinto que me entregar e me deixar possuir nada mais é que apenas um dos passos fundamentais para obter o máximo aqui. Sou dele por saber o quanto já sou minha. Me deixo em suas vontades por compreender o tamanho das que tenho. Gozo gostoso porque ele me faz sentir bem mais do que aparento ser. Ele me faz sentir mulher e menina. E enquanto eu deito minha cabeça em seu peito ele segura em meus seios. O beijo vem logo em seguida e vamos do céu ao inferno pela segunda vez. Ele diz barbaridades em meu ouvido, me provoca, instiga e isso tudo me deixa de quatro por ele. Eu adoro as figuras de linguagem que usa. O encaro enquanto ele penetra minha alma e o meu corpo. O mundo parece ser só nosso. Ele para, sorri gostoso e desce devagar pra me fazer o melhor oral da vida. Ele provavelmente tem Phd nisso. E eu não hesito em gemer. Que se dane se os vizinhos escutarão! Tapas. Sussurros. Puxões de cabelo. Nossas roupas no chão. Ele é um baita de um homem, penso. Demos sorte, eu sei. E ele me beija falando que transpiraria a vida inteira dele comigo. E, então, escorremos amor.

#aaaaaahlacombe
Junto com @madubbb •

Obrigado por aceitar o convite de escrever para celebrar o dia da Mulher.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s